riscos na terceirização

Artigo: Os riscos na terceirização estão mudando. Seu negócio acompanha?

Artigo do diretor-presidente do Grupo Executiva, Márcio Pereira de Barros

Não há dúvidas de que a terceirização vem ganhando ainda mais relevância na transformação do diferencial competitivo dos nossos negócios no mundo digital.

Com as novas formas de pensar a proteção de dados pessoais e a ampliação da rede de terceiros dentro das organizações, a necessidade de aplicar uma metodologia eficaz de Gestão de Terceiros cresce em tamanho e complexidade.

 Nos últimos 4 anos, líderes empresariais, mais atentos à conformidade e compliance, apontaram que relações de alto risco com terceiros aumentaram 2,5 vezes.

O dado acima foi apresentado pela Gartner, no relatório “Stay Ahead of Growing Third-Party Risk”, de 2019.

O relatório é montado a partir da experiência de 256 líderes empresariais e gestores de riscos com terceiros.

Gestão de Terceiros: uma preocupação multifuncional

Dentre as principais demandas funcionais de Gestão de Riscos de Terceiros, compliance e conformidade legal tomam mais da metade dos esforços, ainda segundo a experiência dos entrevistados pela Gartner.

 Separei abaixo o ranking de prioridades para você analisar junto a mim. Elas se parecem com o que tem acontecido no seu negócio?

●      Compliance – 34%

●      Conformidade com a legislação – 25%

Confira os outros itens da lista no LinkedIn.

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no print
Compartilhar no email